Jovem monta blitz falsa para pedir namorada em casamento no Piauí: ‘ela quis me matar pelo susto’

0
1546

“A ideia surgiu da ideia da personalidade da minha namorada, ela é muito certinha. Sempre que paramos numa blitz ela fica apreensiva por ser bastante cuidadosa com documento pessoal e do veículo. Tive a ideia em dezembro do ano passado, quando pensei no pedido de noivado. Chegou a pandemia, acabei adiando. Guardei a ideia por quase seis meses, mas a organização teve duas semanas”, disse José.

O casal está junto há 5 anos e José falou sobre a adrenalina que sentiu ao realizar a brincadeira que resultou no “sim” da sua amada.

“Foi muito emocionante. Ela ficou muito tensa, muito nervosa, depois muito alegre. E claro, depois quis me matar pelo susto que fiz ela passar”, contou o noivo.
Ele disse que em toda a execução e preparação para a surpresa contou com quase 10 amigos do casal. Entre eles, o policial militar Everardo Pinheiro, que aparece nas filmagens fazendo a abordagem no veículo. O amigo detalhou como foi a logística da surpresa.

A noiva Natália Borges também contou como foi a sua reação em meio à situação inusitada. Segundo ela, o casamento está previsto para ao início de 2021.

“Minha reação foi paralisar. Pensei em várias coisas ao mesmo tempo, mas nada fazia sentido. Em meio a esse turbilhão de sensações, me deparo com ele ajoelhado. Eu não desconfiei de absolutamente nada. E agora estamos aqui, noivos e felizes. Pretendemos casar em breve, provavelmente no início do ano”, revelou Natália.

Por: G1 Piauí

Alfa

DEIXE SUA OPINIÃO

Please enter your comment!
Please enter your name here