4 de Julho bate o Picos nos pênaltis e conquista o Tetracampeonato Piauiense e garanti vaga inédita na Copa do Nordeste

0
936

Foi com muita emoção a grande final do  Campeonato Piauiense 2020, em partida realizada na tarde desta terça-feira dia 22/12, no estádio Helvídio Nunes em Picos,  O 4 de Julho venceu o Picos por 4 a 2, nas cobranças de pênaltis, e levantou a taça do Campeonato Piauiense. No tempo normal o Colorado acabou sendo derrotado por 3 a 1, com dois gols de Rhuann e um de Heitor, o gol do 4 de Julho foi marcado por Ted Love, artilheiro da competição.

4 de Julho Tetracampeão Piauiense, 1992, 1993, 2011 e 2020.

Por ter vencido o jogo de ida, em Piripiri, por 2 a 0, o confronto ficou empatado em 3 a 3 no placar agregado, e a decisão seguiu para as penalidades. O 4 de Julho converteu todas as cobranças. Heróis no tempo normal, Rhuann e Heitor perderam suas penalidades e acabaram se tornando os vilões nos pênaltis. Destaque para o goleiro Jailson do 4 de Julho que já havia defendido dois pênaltis na competição, voltou brilhar e pegou uma cobrança de pênalti cobrada por Rhuan.

4 de Julho Tetracampeão Piauiense 1992, 1993, 2011 e 2020. Diário de Piripiri e MC TV registram a maior audiência da história de Piripiri em uma transmissão no Facebook. Agradecemos a todos pela honrosa audiência e pela gigantesca aceitação do Diário de Piripiri que chegou para ficar.

Pressão do início ao fim

O 4 de Julho foi a Picos com uma ótima vantagem, por ter vencido por 2 a 0 no jogo de ida em Piripiri, o Colorado poderia perder por até um gol de diferença que mesmo assim sairia de Picos com a Taça.

Sabendo disso Adelmo Soares colocou o time pra cima com Rapahael Freitas, Romarinho e Rhuan que sufocavam a defesa colorada. O 4 de Julho teve problemas na escalação, sem sua dupla de zaga titular, Gilmar Bahia e Caio que não atuaram devido lesão, Sacramento improvisou o volante Edinaldo assim como fez em Picos e o garoto não decepcionou fazendo uma atuação brilhante, ao lado de Patrick.

A pressão sutil resultados e em jogada pela direita ente Romarinho e Jader que cruzou na medida para Rhuan de cabeça abrir o placar aos 17 minutos do 1° tempo. Apesar de várias chances criadas o placar ficou sem alteração.

No segundo tempo fortes emoções, e logo aos 45 segundo Ted Love aproveitou bobeira da defesa da SEP entrou dentro da área e tocou rasteiro no canto do goleiro Vitor, marcando seu 10° gol no estadual e empatando a partida. A SEP precisava agora no mínimo de mais 2 gols para levar para os pênaltis.

O 4 de Julho administrava bem a partida, Sacramento colocou em campo Cinelton, Maycon Douglas, João Pedro.

Aos 37 minutos do 2° tempo o iluminado Heitor que acabara de entrar recebeu passe dentro da área e em seu primeiro toque na bola, colocou nas redes de Jailson e marcou o segundo gol da SEP. O 4 de Julho se fechou e abdicou do ataque, e aos 49 minutos da etapa o Picos foi coroado por sua insistência, e após jogada pela direita do ataque picoense, a bola sobra para Rhuan que teve o trabalho apenas de tocar para o fundo do gol e levar a decisão para os pênaltis.

Nas cobranças de pênaltis o 4 de Julho foi mais eficiente, Ítalo Pica Pau, Ricardinho, João Pedro e Maycon Douglas marcaram para o 4 de Julho, Jader e Esdras marcaram suas cobranças e os autores dos gols Heitor e Rhuan desperdiçaram suas cobranças para a SEP. Placar final  Picos 3 X 1 4 de Julho e nos pênaltis Picos 2 X 4 4 de Julho. O Colorado de Piripiri conquista seu Tetracampeonato Piauense 1992, 1993, 2011 e 2020.

Com a conquista do título o 4 de Julho garantiu vaga na Copa do Brasil, Copa do Nordeste e Série D. Já a SEP irá disputar a Copa do Brasil e Série D.

O Diário de Piripiri e a MC TV juntamente com a FM Cidade estiveram  transmitindo esta grande decisão e obtiveram a maior audiência de uma transmissão pelo Facebook em Piripiri em toda região. Obrigado aos milhares de internautas que estiveram ligados em nossa transmissão.

Nova-Otica-2

DEIXE SUA OPINIÃO

Please enter your comment!
Please enter your name here